" Pastora de núvens fui posta a serviço
por uma campina tão desamparada
que não principia nem também termina,
e onde nunca é noite e nunca madrugada"

Destino - Cecília Meireles





segunda-feira, 17 de outubro de 2011

O pianista do Escuro



                                       Fonte imagem:  http://diariovagau.blogspot.com/2007_11_11_archive.html



Eu vi um pianista na parede,
na madrugada ociosa.
Eu ouvia Mrs Scott e
nem tinha uma caneta.
Um pianista solitário
de nariz comprido
tocando pra mim
uma melodia silenciosa
e eu nem tinha uma caneta.
Um piano comprido
projetado por não sei o que.
Como elefantes de nuvem dançando,
eu vi um pianista na parede,
agora de chapéu
e novamente nariz comprido
e eu nem sei desenhar!
E eu nem tenho uma caneta.!
Um pianista do escuro
que veio tocar pra mim,
e eu nem posso fotografar!
Meu pianista a me ninar!
Eu vi um pianista na parede
e eu nem tinha uma caneta!





                                            

Nenhum comentário:

Postar um comentário